Slide 3
VÁLVULAS PNEUMÁTICAS PARA VAPOR
Válvulas de assento inclinado com atuador pneumático.>

Slide 2
A NATUREZA AGRADECE
A BONGAS tem responsabilidade socioambiental,
trabalhamos com a preocupação de causar o menor dano possível à natureza.
saiba mais...
Slide 5
POSICIONADORES ELETROPNEUMATICOS
Para atuador pneumático.

conheça os POSICIONADORES >
Slide 4
ATUADORES ELÉTRICOS ROTATIVOS EM ALUMÍNIO - INDUSTRIAIS
Para válvulas esfera e borboleta.

Notícias


Mineração no Brasil vai crescer 5% ao ano até 2019. 2017-11-29

Relatório aponta que o setor terá uma taxa de crescimento anual composta de aproximadamente 5% de 2015 a 2019.

Relatório publicado por analistas da Technavio, em dezembro, aponta que o setor de mineração no Brasil terá uma taxa de crescimento anual composta (CAGR, na sigla em inglês) de aproximadamente 5% de 2015 a 2019. Os especialistas apostam no crescimento da demanda global por produtos brasileiros, em especial do setor automobilístico.

O relatório menciona a dependência da China pelo minério de ferro brasileiro para a produção de aço como fator positivo. O “Brazilian Mining Industry 2015-2019” inclui análises e previsões sobre agregados, bauxita, concentrado de fosfato e minério de ferro. A segmentação das minas é feita por micro, que produzem menos de milhões de toneladas por ano e representaram 49% das operações em 2014, pequena, média e grande

A dificuldade na liberação de licenças para mineradoras deve atrapalhar o crescimento do mercado nesse período de 2015 a 2019, segundo os analistas da Technavio. O relatório diz ainda que o Brasil possui regulamentações muito complexas para o setor de mineração, devido à divisão de processos e jurisdições entre município, Estado e União.

Em 2014, o segmento de agregados dominou o mercado com fatia de 54%, segundo o relatório, e deve ser o que mais vai crescer nos próximos anos. Os principais Estados para a alta do segmento de agregados são Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná.

“O aumento na demanda do setor de construção está levando o crescimento desse segmento. Por exemplo, quase 10 mil toneladas de agregados são necessárias para pavimentar uma estrada de um quilômetro, enquanto uma casa de baixo custo com 50 metros quadrados precisa de 68 toneladas de agregados”, diz o resumo do documento.

O relatório aponta Vale, MMX, Mineração Rio do Norte, Alumar e Votorantim como os principais produtores e fornecedores do mercado de mineração. Anglo American, AngloGold Ashanti e ArcelorMittal foram definidas como “outros vendedores proeminentes”.

O documento foi publicado pela Technavio em 23 de dezembro e está à venda no Market Research Reports. Com 64 páginas, o material custa US$ 2.500 e pode ser adquirido no no website da Market Research.proximadamente 5% de 2015 a 2019. Os especialistas apostam no crescimento da demanda global por produtos brasileiros, em especial do setor automobilístico.

A dificuldade na liberação de licenças para mineradoras deve atrapalhar o crescimento do mercado nesse período de 2015 a 2019, segundo os analistas da Technavio. O relatório diz ainda que o Brasil possui regulamentações muito complexas para o setor de mineração, devido à divisão de processos e jurisdições entre município, Estado e União.

O relatório aponta Vale, MMX, Mineração Rio do Norte, Alumar e Votorantim como os principais produtores e fornecedores do mercado de mineração. Anglo American, AngloGold Ashanti e ArcelorMittal foram definidas como “outros vendedores proeminentes”.

O documento foi publicado pela Technavio em 23 de dezembro e está à venda no Market Research Reports. Com 64 páginas, o material custa US$ 2.500 e pode ser adquirido no no website da Market Research.

Fonte: Notícias de Mineração